20 agosto 2016

Vamos falar do porque que Percy Jackson não é plágio de Harry Potter


Naturalmente, após ter iniciado minha jornada no Acampamento Meio-Sangue pude perceber alguns estudantes de Hogwarts afirmando que a história de Percy Jackson seria um tipo de “plágio” de Harry Potter. E caro leitor, caso o Sr ou a Sra. achem o mesmo, devo alertá-los que mesmo que eu não conheça tão profundamente assim a história de nosso encantador Harry, posso afirmar veemente que são duas histórias distintas. Sinceramente, não há nada de parecido nelas.

Então vamos a algumas comparações que possam parecer simplórias, mas poderão exemplificar bem que ambas não tem nada a ver, muito menos em questão de enredo.

1° - Vidas: Harry Potter morava no porão (embaixo de uma escadaria) na casa dos tios. Ele próprio não sabia como havia parado ali. Sabia apenas que era Órfão e que seus pais estavam mortos e que seus tios o odiavam. Percy é um filho de um Deus mitológico, claro que de inicio ele é apenas um menino comum com déficit de atenção, não popular, que mora com a mãe e um padrasto horrendo (mas ele não dorme em um porão!), na qual já foi expulso de muitas escolas.

2° - Histórias: Harry acaba descobrindo (de uma forma muito bizarra!) que é um bruxo, vindo de uma família de bruxos e que é por isso que seus tios e seu primo o odeiam. Ele conhece Hogwarts e faz amizade com uma nerd e um medroso. Harry não tem irmãos, apenas um tio que só aparece lá pelo final (para morrer lá pelo final), sua família... Bem ele não tem. Mas, Harry tem seu amigo grandão e Dumbladore (que é seu instrutor do começo até o terrível fim). Percy chega ao Acampamento Meio-Sangue de uma forma assustadora, e sua mãe ao que parece foi morta (será mesmo Percy?!). Lá ele conhece Anabeth que é filha de Atena (e torna-se também sua companheira de guerra e amizade e... leiam se quiserem saber!), descobre que seu melhor (e único amigo) na verdade é um Sátiro, e que seu instrutor, Quíron, é um Centauro. Após uma disputa pela bandeira dentro do acampamento Percy descobre ser filho de Poseidon.

3° - Amor: No amor podemos destacar Harry e Percy como dois fracassos desajeitados (ok ok ok ... eu admito que chega a ser fofo todo o desenrolar de com quem eles ficaram na história e talz... mas, não deixam de serem desajeitados). Percy demora a descobrir o que sente por Anabeth e o mesmo serve para Harry e a irmã do Rony (sim! Esqueci o nome dela! Crucifiquem-me se puderem “fãnzinhos”!).

4° - Famílias: Percy tem um irmão Cyclope, filho também de Poseidon. Harry tem um tio que aparece mais lá para os últimos momentos mais tensos da história, mas sem irmãos.

5° - Enredos: J.K. Rowling criou uma história. Ela não se baseou em nenhum mito, porque até mesmo se pegarmos a verdadeira história das bruxas, saberemos que não foi tão fantástica quanto ela fez parecer. Mas, sua escrita foi envolvente e deu sede de quero mais. Já Rick Riordan pegou a mitologia grega e criou uma estória dentro de uma história. Ele fez com que o mito deixasse de ser mito e tornasse-se real. E daí temos os filhos de Deuses gregos, e claro que isso se aplica a monstros e criaturas místicas.

6° - Vilões e guerras: Óbvio que nas duas histórias nós temos dois vilões fortes. Em Harry Potter temos Voldemort (ou você sabe quem que não pode ser pronunciado). E em Percy Jackson nós temos a volta do Titã pai de Quíron, Poseidon, Zeus e Hades, ou seja, o retorno de Cronos.

7° - Talentos: Harry foi escolhido por sua varinha e, além disso, sabia a língua das cobras (sssshhhshshshhhshhs... gente medo!). Alguém pode, por favor, me ajudar a lembrar de mais algum talento de Harry Potter?! Jackson recebeu Contracorrente (sua espada que é uma caneta), fala com cavalos alados e animais submarinos, além disso, pode ficar embaixo d’água por muito tempo (filho de peixe, “peixinho” é!).

8° - Profecias: Potter não pode ser morto por Voldemort quando pequeno, mas, carrega a marca deixada por você-sabe-quem-que-não-pode-ser-pronunciado. Jackson carrega o peso de ser o escolhido para fazer uma escolha e decidir o destino do Olimpo e dos Deuses.

9° - Livros: Potter rendeu uma estória fantástica em sete livros. Jackson rendeu uma estória mitológica em cinco livros.

10° - Fins: Bem eu não irei comentar, dar spoiler e nem sequer falar dos fins de ambas as histórias, se quiser saber que vão procurar. Hunf!

E então caros leitores: Percy e Harry são iguais?


3 comentários:

  1. Eu não li Percy Jackson ainda, acredita? Achei suas observações sobre HP bem pertinentes. Como não li as duas séries, não posso comentar sobre a comparação, mas pelo seu post fiquei até mais curiosa para ler PJ, estou postergando faz eras.
    Adorei o blog. Parabéns pelo post =) Quando eu terminar a saga PJ eu volto e comento as comparações, mas um não é igual ao outro, com certeza não. Nunca entendi o motivo de compararem desta forma. JK criou um UNIVERSO inteiro s2,apesar de ter usado seres mitológicos também para se inspirar e criar as criaturas do mundo Bruxo.

    ResponderExcluir
  2. Eu gosto dos dois, não entendo essas briguinhas que rolam por conta disso, acho desnecessário. Do Harry eu ainda não pude ler nenhum livro mas de Percy eu já li os dois primeiros. Não acho que sejam parecidos.
    Agenda Aleatória

    ResponderExcluir
  3. Oie, tudo bem? Confesso que devo ser uma das poucas pessoas que nunca assistiram Percy Jackon apesar de tanta publicidade sobre os livros e também dos filmes. Lembro quando a editora anunciou que seria a responsável pela tradução e os fãs ficaram enlouquecidos de ansiedade haha Nunca me chamou a atenção, nem mesmo vendo o trailer #sorry haha Mas Harry Potter me ganhou desde sempre. Primeiro conheci os filmes para depois ter interesse em ler os livros. Tanto que comprei um box :O acredita? Amo demais o Harry e a Hermione <3 Quem sabe um dia dê chance ao Percy rs Beijos, Érika =^.^=

    ResponderExcluir